Connect with us

Mulher

Tamanho de roupa GG x PP: Preta Gil usa mesma peça que Mariana Rios em festa

Publicado em

Para algumas pessoas, encontrar alguém que está usando a mesma roupa que elas pode ser um momento contrangedor. Entretanto, Preta Gil
decidiu levar a discussão sobre  looks iguais
para outro patamar quando encontrou Mariana Rios
em uma festa na noite de quinta-feira (13), abrindo um debate sobre moda inclusiva e tamanho de roupa GG. 


Preta Gil abriu uma discussão sobre tamanhos de roupa GG x PP após usar look igual ao de Mariana Rios em evento
Reprodução/Instagram/pretagil

Preta Gil abriu uma discussão sobre tamanhos de roupa GG x PP após usar look igual ao de Mariana Rios em evento

A cantora compartilhou uma foto no Instagram em que ela e Mariana posaram juntas enquanto estavam usando conjuntos prateados idênticos. Nenhuma das duas se abalou com o clique, e Preta decidiu usar a situação a seu favor para falar sobre a obrigação que as marcas têm de pensar nas mulheres que usam tamanho de roupa GG. 
“PP e GG, isso sim é democratização da moda!”, escreveu na legenda da imagem. 

Diversos seguidores comentaram sobre a questão do tamanho das roupas, concordando que essa inclusividade é necessária na moda. “É tão difícil andar na moda vestindo uma numeração fora do padrão”, escreveu uma internauta. “Tinha amado essa roupa na Mariana, mas achei que não combinaria comigo… Agora que vi a Preta usando, amei mais ainda e já quero usar”, disse outra. “Muito bom ver a diversidade das marcas crescendo”, comentou uma terceira. 

Discussão sobre a produção de roupas GG na moda


Katie não tem vergonha de usar tamanho de roupa GG e mostra que é possível estar na moda independente dessa questão
Reprodução/Instagram

Katie não tem vergonha de usar tamanho de roupa GG e mostra que é possível estar na moda independente dessa questão

discussão sobre tamanhos de roupa
não é algo recente. A blogueira norte-americana Katie Sturino, por exemplo, já aborda o tema na internet há alguns anos. Ela, que usa peças tamanho 46, decidiu mostrar que é possível se vestir bem e estar na moda ao reproduzir os looks das famosas e adaptá-los para o próprio corpo. 

“Eu percebi que, com um tamanho 46, é difícil encontrar modelos de moda realistas. Sempre me senti sozinha quando fazia compras. Fazer compras com amigas nunca é tão divertido porque elas podem entrar em qualquer loja e escolher um monte de coisas que funcionam para elas. Para mim, as compras são uma mina terrestre do que não funciona para meu corpo, e geralmente é difícil encontrar os tesouros raros que funcionam”, disse à revista “Glamour”

A experiência de escrever sobre moda e representatividade, porém, fez com que Katie não se sentisse tão sozinha. Assim, a dica dela para quem veste  tamanho de roupa GG
, XG ou qualquer outro considerado “plus” é bem simples: use o que você ama e te faz se sentir bem. 

Comentários Facebook
Advertisement

Mulher

Sem força de vontade para malhar? Áudios podem servir de motivação

Published

on

By

Se você sente preguiça de ir malhar, não está sozinho. Muitos brasileiros sofrem desse problema na hora de praticar exercícios. Para tentar melhorar essa situação, uma boa ideia pode ser ouvir áudios motivacionais.

Leia mais: Eletroestimulação muscular ajuda a perder gordura e reduzir celulite; saiba mais

Ouvir áudios motivacionais durante o treino pode incentivar exercícios arrow-options
Divulgação

Ouvir áudios motivacionais durante o treino pode incentivar exercícios


Como funciona?

Os áudios motivacionais funcionam na mesma lógica dos ‘coachings’. Apenas com fones de ouvido, a pessoa ouvirá palavras de incentivo para inúmeras situações, o que a ajudará a ter mais vontade para alcançar seus objetivos.

São várias as categorias de áudios disponíveis: para dormir melhor, sobre o processo de perda de peso, self talk (ou conversa interior), recuperação de exercícios, motivação, incentivo para voltar a treinar, além dos exercícios guiados, que dão as coordenadas para fazer agachamentos e flexões, por exemplo. 

Esses áudios podem funcionar para diferentes desafios, como por exemplo, encarar o estresse depois de um dia ruim. Além disso, podem ser adaptados para treinos fáceis ou difíceis, para “não dar desculpas” e também para preservar a saúde mental.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo aplicativo da Freeletics, especializado em treinamento fitness, 66% dos brasileiros se sentiriam mais motivados caso escutassem áudios na atividade física.

O aplicativo oferece áudios específicos para cada ocasião, desenvolvidos com base em pesquisas científicas e trabalhados em conjunto com um algoritmo de inteligência artificial.

Leia mais: Antes e depois: mulher vence depressão e elimina mais de 80kg fazendo zumba

Corpo e mente

A partir do entendimento de que o bem-estar da mente é prioridade na vida, também surgiram os áudios direcionados às pessoas que querem meditar e relaxar , focando em construir uma ideia de saúde que englobe corpo e mente.

A ideia é ajudar as pessoas a criarem uma mentalidade equilibrada, voltada para objetivos . Os áudios auxiliam na execução de metas voltadas à saúde e ao universo fitness, com a reserva de poucos minutos diários para a escuta.

Alguns dos ensinamentos propagados nos áudios da Freeletics, por exemplo, são: estabelecimento de rotinas, como lidar com contratempos, gerenciamento do estresse, melhoramento do foco, recuperação e sono (já que 60% dos brasileiros relataram dificuldades para dormir).

Leia mais: Detox turbo ou 15 ovos por dia: detalhamos as dietas das famosas para o carnaval

Uma lição encontrada nos áudios voltados ao sono é o otimismo antes de dormir. Ele ajuda a refletir sobre o que aconteceu durante o dia, para voltar o pensamento na direção das coisas positivas e ajudar o ouvinte a ser mais grato e otimista. Assim, a tendência é encarar a noite com mais serenidade e calma. 

Comentários Facebook
Continue Reading

Policial

Política MT

Mato Grosso

Nacional

Entretenimento

Tecnologia

Mais Lidas