conecte-se conosco


Economia

Procon alerta sobre cuidados com a compra de roupas pela internet

Publicado

source
computador arrow-options
Shuttersock

Para o Procon, o caminho mais seguro é optar por lojas com boa reputação para evitar o golpe

É no fim do ano que o comércio se aquece e oferece aos clientes as famosas promoções , especialmente quando se trata de roupas para o fim do ano. Com a tecnologia dos aplicativos, a praticidade de comprar nem sair de casa já é uma realidade, ainda mais quando os preços oferecidos no universo do online compensam mais do que os vistos nas lojas físicas.

Apesar de preços mais atrativos para alguns consumidores, alguns cuidados ainda são necessários durante a pesquisa nos sites com descontos . É preciso se certificar de que o barato não saia mais caro posteriormente.

Blusas na promoção , calças pela metade do preço e combo de descontos que enche os olhos do cliente. Para evitar fraude, o Procon do Rio de Janeiro indica que o cliente precisa se certificar sobre os valores anunciados pelos sites e o que é cobrado no carrinho da compra.

Leia mais:  Após cumprir quarentena, militar da Aeronáutica assume presidência da Infraero

O órgão também indica a necessidade de desconfiar de lojas online com preços muito abaixo do comercializado no mercado. Para o Procon, o caminho mais seguro é optar por lojas com boa reputação para evitar o golpe.

Em entrevista ao site EXTRA , a diretora de fiscalização do Procon Carioca, Elisa Freitas, explicou que no caso de roupas, as peças precisam ter as especificações de cor e tamanho, como largura e comprimento, explícitas.

Ela também garantiu que o consumidor tem até sete dias após a compra ou o recebimento do produto para se arrepender do negócio. Não há necessidade de justificar o cancelamento: basta providenciar a devolução da peça para ser ressarcido da quantia paga.

Já sobre a política de trocas online, é preciso saber qual posicionamento da loja. Segundo Elisa Freitas, os estabelecimentos não têm obrigação de trocar, a não ser por algum defeito de fabricação. O prazo, nesses casos, é de 30 dias depois da compra.

Para reclamações por descumprimento das normas do Código de Defesa do Consumidor (CDC), os consumidores podem entrar em contato com o órgão nos postos de atendimento presencial, pelo site, pelo aplicativo “Procon RJ” ou pelo telefone 151.

Leia mais:  Governo busca liberar R$ 10 milhões por deputado pela Previdência, diz jornal

Fonte: IG Economia
Comentários Facebook
publicidade

Economia

Dólar fecha esta quinta-feira no menor nível em três semanas, abaixo de R$ 4,20

Publicado

por

source
notas de Dólar e de real arrow-options
Fernanda Carvalho/ Fotos Públicas

Dólar fecha quinta-feira (5) valendo menos de R$ 4,20, câmbio mais baixo em três semanas

Agência Brasil

Em um dia de alívio no mercado financeiro , o dólar fechou abaixo de R$ 4,20. O dólar comercial encerrou esta quinta-feira (5) vendido a R$ 4,188, com queda de R$ 0,014 (-0,33 %). A a moeda norte-americana está no menor nível desde 13 de novembro 4,187).

A cotação abriu em alta. Na máxima do dia , por volta das 9h30, o dólar chegou a R$ 4,22, mas reverteu a tendência no início da tarde e passou a cair.

No mercado de ações, o dia também foi de otimismo. O índice Ibovespa, da B3, antiga Bolsa de Valores de São Paulo , voltou a bater recorde e fechou aos 110.622 pontos, com alta de 0,29%. O indicador abriu em baixa, mas recuperou-se durante a manhã e reverteu o movimento.

Bolsa de valores de São Paulo bate recorde e fecha acima de 110 mil pontos

 As ações da Petrobras , as mais negociadas na bolsa, subiram 1,3% (papéis ordinários e preferenciais), ajudando na alta.

Leia mais:  O campo sob ataque

Fonte: IG Economia
Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Nacional

Entretenimento

Tecnologia

Mais Lidas