conecte-se conosco


Na Capital

Prevenção e conscientização são discutidas em evento do Outubro Rosa

Publicado

A Prefeitura de Cuiabá realizou a primeira atividade em alusão ao movimento popular “Outubro Rosa”, nesta terça-feira (08). O evento aconteceu no auditório do Palácio Alencastro e contou com a participação de servidoras municipais e convidadas.

O Outubro Rosa tem como principal objetivo, conscientizar as pessoas sobre a importância da prevenção do câncer de mama, tipo de câncer que mais mata mulheres ao redor de todo mundo.

Uma palestra orientativa ministrada por duas jovens alunas do curso de Medicina da Universidade de Cuiabá abordou sobre as formas de prevenção, cuidados, sintomas, tratamento, entre outros. O câncer de mama é o segundo mais comum entre as mulheres, sendo responsável por aproximadamente 28% dos casos novos da doença. 

“Para nós, que somos alunas do curso de medicina e fazemos parte da Liga de Radiologia da Universidade de Cuiabá, é um prazer enorme estar aqui passando para essa grande número de mulheres informação sobre os principais exames para detecção do câncer. Então, hoje nós apresentamos basicamente qual a importância do diagnóstico precoce e o quanto ele pode imprescindível para a descoberta e o consequentemente o tratamento”, disse a estudante Marcela de Moura.

De acordo com o MT Mama, no estado, os dados oficiais apontam 680 novos casos, sendo 220 em Cuiabá. Em homens, a doença atinge 1% do total.

“Nós temos visto alguns dados mais atualizados sobre o câncer de Mama e os fatores de risco, de prevenção e nada mais importante que a gente continuar com esse trabalho porque essas tem que ser permanente mesmo. Temos que falar mais do autoexame, da procura pelo médico pelo menos uma vez por ano, as mulheres acima dos 40 anos à fazer a mamografia e tendo alguma suspeita procurar o médico só assim será possível diagnosticar, mais de 60 % dos casos são detectado através do autoexame”, explicou a presidente da MT Mamma, Cleuza Dias Leite.

A “Associação MTmama, amigos do peito” é uma instituição ativa no estado de Mato Grosso há quase dez anos, que trouxe alguns relatos de mulheres que foram beneficiadas e conseguiram vencer a luta contra o câncer de mama.

Após a palestra, foi realizado um sorteio de ingressos para o show do cantor Almir Sater. A servidora da secretária de Gestão, Adriana Aleixo que foi diagnosticada e passou pelo tratamento aproveitou a oportunidade para dar seu depoimento e mais informação para as servidoras.

Comentários Facebook
publicidade

Na Capital

Albergues Municipais estão com 212 pessoas acolhidas nesse momento de enfrentamento ao novo Coronavírus

Publicado


.

Como forma de alcançar resultados exitosos e conseguir sensibilizar um número cada vez maior de pessoas para a importância do isolamento social nesse momento de enfrentamento ao novo Coronavírus, a Secretaria Municipal de Assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência definiu um cronograma diário de trabalho e mantém as ações de abordagem a população em situação de rua e imigrantes. O total de acolhidos nas unidades, entre elas, o Hotel Albergue e os três albergues municipais, é de 212 pessoas.

Para um melhor rendimento dos serviços, a secretária municipal de Assistência Social, Hellen Ferreira informou que as equipes foram divididas por públicos distintos, sendo o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) Centro estão trabalhando com a população em situação de rua, e os servidores do Creas Norte estão trabalhando com os imigrantes. “Além das ações de abordagem nas ruas, as unidades estão abertas para receber as pessoas que tenham interesse no acolhimento. Após triagem são realizados os devidos encaminhamentos”, ressaltou.
“Nessas abordagens, além de reforçar a importância do isolamento social nesse momento de pandemia, para aquelas pessoas que aceitam o acolhimento oferecido pela Prefeitura, é feita uma triagem para identificar o perfil e encaminhar para a unidade municipal adequada, seja ela o Hotel Albergue ou os albergues municipais”, explicou Hellen. Os locais visitados são os de maior concentração desse público, como o Beco do Candeeiro, Porto, Rodoviária, Morro da Luz e Centro.

No caso específico dos imigrantes, eles são informados sobre o Centro Pastoral para Imigrantes Além disso, uma importante parceira da Prefeitura, sendo essa, uma Unidade de Referência para essa população, como solicitações de documentos e ou encaminhamentos de emprego. “Estamos com equipes de abordagens todos os dias, nos principais pontos de concentração dessas pessoas. É uma preocupação do prefeito Emanuel Pinheiro e da primeira-dama, Márcia Pinheiro oferecer uma vida digna a toda população que necessita da ajuda do Poder Público. É nosso dever apresentar os serviços existentes no Município é sensibilizar essas pessoas para a importância do acolhimento”, pontuou Hellen.

A distribuição das vagas é feita de acordo com o perfil de cada um. Nos albergues municipais, são para pessoas em trânsito ou que vieram para Cuiabá e não conseguem voltar de imediato.

Já no “Hotel Albergue” são para aquelas pessoas que já estão há algum tempo em lugares de grande concentração desse público, como o Morro da Luz, Praça do Porto, Rodoviária e Beco do Candeeiro.

“A Prefeitura de Cuiabá, mantém essas ações de abordagem, não somente nesse momento de enfrentamento à Pandemia do novo Covid-19, mas como prática de rotina, oferece uma atenção especial a população em situação de vulnerabilidade social na nossa Capital. Todos os dias, tem equipes de abordagem nas rua, fazendo levantamento e orientação das famílias”, concluiu a secretária .

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Nacional

Entretenimento

Tecnologia

Mais Lidas