conecte-se conosco


Policial

Polícias Civil e Militar prendem 6 pessoas em operação de combate a criminalidade

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Uma operação com objetivo de reforçar o combate a criminalidade em Guarantã do Norte (715 km ao Norte de Cuiabá), foi deflagrada pela Polícia Judiciária Civil e Polícia Militar, na sexta-feira (18.10), no município. A operação denominada “Calefação” resultou em seis pessoas presas, além da apreensão de porções de entorpecentes, cigarros contrabandeados e outros produtos de origem ilícita.

O trabalho integrado tinha como objetivo a desarticulação de uma associação criminosa atuante no comércio de entorpecentes e outros crimes, que vinha atuando no município e região.

Um dos suspeitos, O.J.P., foi surpreendido pelos policiais civis e militares quando trafegava pela Rodovia BR-163, em um veículo Saveiro. Ao perceber a presença das equipes, o criminoso tentou empreender fuga, porém foi alcançado pelos policiais. Na ocasião, um outro suspeito que estava com ele conseguiu escapar do cerco policial.

No interior do veículo Saveiro foram apreendidos dois tijolos pesando aproximadamente 1,5 quilo de pasta base de cocaína. O.J.P. foi conduzido à Delegacia de Polícia de Guarantã do Norte, interrogado e autuado em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Em outro ponto da cidade, uma tabacaria situada no bairro Jardim Vitória, foi realizada a abordagem de vários menores de idade, além de serem encontrados produtos oriundos de contrabando.

O proprietário do estabelecimento foi detido para esclarecimentos. No local, também foi localizada uma mulher, monitorada por tornozeleira eletrônica, porém que estava com o aparelho desligado.

Em outro bar no bairro Santa Marta, os policiais apreenderam vários maços de cigarros de origem estrangeira e de venda proibida no Brasil. No endereço, outras duas pessoas foram detidas por desacato e por fornecer bebida alcoólica para menores de idade, respectivamente.

 

 

Comentários Facebook
publicidade

Policial

Polícia Civil cumpre mandados de busca e de prisão contra suspeito de estupro de vulnerável

Publicado


.

Assessoria | PJC-MT

Um homem suspeito da prática de estupro de vulnerável foi preso pela Polícia Civil, na quarta-feira (08.04), em ação realizada pelas equipes das Delegacias de Paranatinga (373 km ao Sul de Cuiabá) e Gaúcha do Norte (595 km ao Norte da Capital). A ordem de prisão contra o investigado foi cumprida menos de 72 horas após a Polícia Civil ser comunicada do crime.

As investigações iniciaram logo que a notícia do fato chegou a Delegacia de Paranatinga no domingo (05). Com base nas apurações colhidas durante as diligências, com prova da materialidade e indícios de autoria, o delegado Flávio Souza Braga representou pela prisão preventiva do suspeito.

A representação pelos mandados de prisão e de busca e apreensão contra o investigado teve parecer favorável do Ministério Público e deferimento da Justiça de Paranatinga.

Nesta quinta-feira (09), a ordem de busca domiciliar foi cumprida no município de Gaúcha do Norte. Na residência do suspeito, foram apreendidos diversos objetos que poderão esclarecer demais fatos relacionados ao crime, assim como identificar outros ilícitos, como armazenamento em aparelhos eletrônicos de fotografias de adolescente com conotação sexual.

Segundo o delegado, Flávio Souza Braga, a prisão do investigado e o êxito nas ações de busca e apreensão foi possível graças a integração da Polícia Civil com o órgão ministerial, poder judiciário e empenho dos escrivães e investigadores das Delegacias de Paranatinga e Gaucha do Norte.

“A Polícia Civil está vigilante e operante, ainda que em épocas de crise de enfrentamento da Covid-19. Ilícitos dessa natureza, os quais causam repulsa social, reclamam atuação rápida com medidas enérgicas, de modo a garantir a manutenção da paz social da população local”, disse o delegado.

 

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Nacional

Entretenimento

Tecnologia

Mais Lidas