conecte-se conosco


Policial

Policial Militar é confundido com bandido e morre após ser baleado por tenente

Publicado

O saldado da Polícia Militar, Ricardo Ferreira de Azevedo, 36 anos, morreu na noite dessa quinta-feira (28), após ser confundido com bandido e baleado por um tenente da Força Tática, em um posto de combustível no cruzamento da Avenida Mato Grosso, em Cuiabá.

Conforme os relatos, a Força Tática recebeu um chamado para fazer um acompanhamento de quatro motocicletas na região central da Capital, mas durante a ação os militares presenciaram dois homens em uma moto com uma arma em punho apontando para outro homem que parecia estar rendido.

Sem saber que se tratava de um policial militar, o tenente da Força Tática pediu para que ele soltasse a arma, mas ele não obedeceu a ordem e foi baleado. Mesmo ferido, Ricardo se identificou com o policial miliar do grupo de inteligência da PM.

Em estado grave, Ricardo foi socorrido por uma viatura da PM e levado ao Pronto Socorro Municipal de Cuiabá, mas não resistiu aos ferimentos e morreu logo em seguida. O caso será investigado.

Comentários Facebook
publicidade

Policial

Polícia Civil cumpre prisão de condenado por homicídio com passagens por vários crimes

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Em mais uma ação da Polícia Civil, realizada pela equipe da Gerência Estadual de Polinter (Gepol), um homem com ordem de prisão definitiva decretada pela Justiça foi preso, na tarde de sexta-feira (03.07), em Cuiabá. O suspeito, de 42 anos, é condenado por crime de homicídio e além de responder a processos por diferentes crimes.

O mandado de prisão definitiva foi expedido pelo Poder Judiciário no último dia 04 de junho, em grau de recurso de apelação nos autos do processo pela prática de homicídio qualificado, em que o suspeito foi condenado a mais de sete anos de prisão.

Além da condenação pelo crime, o suspeito também responde a diversos processos por roubo qualificado na forma tentada, receptação qualificada, furto qualificado (tentado e consumado), e porte ilegal de arma de fogo.

Em 2014, ele foi preso pela Polícia Militar no bairro Jardim Vitória, região norte da capital, durante uma abordagem de rotina, sendo constatado na época um mandado de prisão em aberto em seu desfavor.

A ordem de prisão contra o condenado foi cumprido pelos policiais da Polinter na sexta-feira (03), quando ele chegava a sua residência no bairro CPA, região da Grande Morada da Serra em Cuiabá. Ao ser abordado, o suspeito não resistiu a prisão e foi Conduzido a delegacia de para as providências cabíveis.  

 

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Nacional

Entretenimento

Tecnologia

Mais Lidas