conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil recupera objetos furtados e prende três por tráfico e receptação em Nova Canaã do Norte

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Três pessoas envolvidas com crimes de tráfico de drogas e receptação foram presas, nesta sexta-feira (26.04), em ação da Polícia Civil de Nova Canaã do Norte (699 km ao Norte). Além das prisões, o trabalho resultou na apreensão de drogas, uma motocicleta e diversos objetos furtados.

Chrislourrany Kellen Rodrigues Barbosa, 18, a “Babu”, Harryson Jarrell de Almeida Cantuário, 25 e Marcilei Italino dos Santos,30, foram autuados em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico, receptação e corrupção de menores, uma vez que coaptavam adolescentes para atuar na venda de entorpecentes.

As diligências iniciaram para investigar uma série de furtos ocorridos no município. Com a prisão do autor dos furtos, os policiais receberam informações sobre os possíveis receptadores, que teriam recebido os produtos em troca do fornecimento de entorpecentes. Com base nos levantamentos, os investigadores diligenciaram até o endereço dos suspeitos, no bairro Jardim Oliveira.

No endereço, os policiais foram recebidos pela suspeita “Babu” e em buscas na casa, encontraram uma porção pequena de maconha e seis bitucas de cigarro da mesma substância, um aparelho de choque, R$ 164 em dinheiro trocado (característico da atividade de tráfico), além de um litro de Whisky e um controle remoto, que posteriormente foi reconhecido por vítimas de furto.

Na residência, também estava um adolescente de apenas 13 anos, que era corrompido pela suspeita para atuar na mercância de drogas.

Em continuidade as diligências, os policiais foram até a casa da mãe de “Babu”, onde segundo informações, o grupo armazenava grande quantidade de entorpecentes e objetos de origem ilícita. No local, os policiais apreenderam uma porção grande de pasta base de cocaína e grande quantidade de aparelhos eletrônicos (TVs, notebooks, celulares, tablets), além de joias e relógios, oriundos de furtos.

Enterrado no quintal da casa, os policiais encontram várias porções de entorpecente e uma balança de precisão. Os suspeitos Harryson, que estava na casa, e Marcilei, que chegou posterioremente em uma motocicleta que também foi apreendida, foram detidos durante os trabalhos na residência. A mãe da suspeita “Babu”, que também é integrante do grupo, conseguiu fugir.

Diante das evidências, os suspeitos foram conduzidos a Delegacia de Nova Canaã do Norte, onde após serem interrogados foi lavrado o flagrante.

 

 

 

Comentários Facebook
publicidade

Policial

Polícia Civil recebe doação de materiais para desinfecção de delegacias da área metropolitana

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil recebeu materiais e equipamentos de proteção individual que serão utilizados para a desinfecção das unidades de Cuiabá e de Várzea Grande. As centrais de flagrantes, por ter maior número de servidores, pessoas conduzidas e usuários, passarão pela desinfecção com maior regularidade.

As bombas pulverizadoras com costais, uniformes de proteção, luvas, máscaras e botas foram doadas pelo delegado Marcos Veloso. Ele viabilizou ainda com a empresa de saneamento Águas Cuiabá, a doação de 150 litros de cloro que será utilizado para a desinfecção de ambientes nas delegacias.

Para o delegado-geral da Polícia Civil, Mário Dermeval de Resende, as doações representam o espírito de união que foi estabelecido em um momento como o que todos estão vivendo, em função da pandemia da Covid-19, incluindo os servidores da segurança pública que prestam serviço essencial. “Empresas se uniram ao Governo de Mato Grosso, colaborando com essas doações de materiais imprescindíveis, diante da necessidade de prevenção de nossos policiais que estão nas unidades atendendo ocorrências, registrando flagrantes, enfim, serviços que não podem parar. Agradeço imensamente a colaboração, pois este é um o momento em que todos devemos zelar e seguir as recomendações sanitárias, a fim de evitar a propagação do coronavírus”.

Foram doados dez conjuntos de roupas protetoras, quatro pares de botas de borracha, 08 pares de luvas de borracha e a 50 máscaras para que realização da desinfecção com segurança. “A ação de higienização busca resguardar a integridade física de todos e buscamos, desta forma, auxiliar os profissionais que estão na linha de frente neste momento”, afirmou Veloso.

O material foi entregue nesta sexta-feira (03.04) à diretoria da Polícia Civil.

Passarão pela higienização todas as delegacias, especialmente as que tem maior fluxo de atendimento e circulação de pessoas, como as centrais de flagrantes de Cuiabá e de Várzea Grande e a central de ocorrências localizada no prédio da 1a Delegacia da Capital.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Nacional

Entretenimento

Tecnologia

Mais Lidas