conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil recupera 59 aparelhos de TV e prende 5 envolvidos em roubo de transportadora

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Cinco pessoas envolvidas no roubo de uma transportadora foram presas em flagrante pela Polícia Judiciária Civil, nesta quarta-feira (24.10), em ação rápida da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Cuiabá. O trabalho resultou na recuperação de 59 aparelhos televisores (ainda na caixa) roubados da empresa, além da apreensão de dois simulacros de arma de fogo.

Wesley Fernandes da Silva, Maykool Vinícius Pereira Figueira, 28, Rony Ferreira dos Santos, 29, e uma mulher, foram autuados em flagrante pelos crimes de roubo majorado, associação criminosa majorada e corrupção de menores. O quinto suspeito, o adolescente P.V.S.S. de 17 anos, foi autuado no ato infracional análogo roubo majorado e associação criminosa majorada.

As investigações iniciaram na terça-feira (23), logo após o roubo cometido por quatro homens armados, na empresa transportadora. Do local, foram roubados aparelhos televisores novos, um cofre, entre outros produtos e pertences das vítimas.

Durante diligências ininterruptas, os policiais civis da Derf Cuiabá conseguiram identificar o primeiro envolvido, o adolescente P.V.S.S., localizado em sua residência no bairro Vista Alegre, na companhia do comparsa Wesley Fernandes da Silva e uma mulher.

Na casa do menor, foram encontrados 22 televisores, ainda dentro da caixa e o cofre subtraído da empresa, que estava arrombado.

Entrevistado, P.V.S.S. confessou a participação no roubo e revelou onde estava o restante dos televisores roubados. Com a informação, a equipe se deslocou até uma casa no bairro Pedra 90, onde foram apreendidos mais 37 televisores dentro da caixa.

No momento da chegada dos policiais civis, o imóvel estava aberto, porém sem ninguém no local. Os investigadores mantiveram a vigilância do local, conseguindo realizar a abordagem do morador Rony Ferreira dos Santos que foi detido logo que chegou a casa.

Em continuidade as dilgiências, os investigadores da Derf efetuaram a prisão de Maykool Vinícius Pereira Figueira, portador de tornozeleira eletrônica.  Ele foi apontado como a pessoa que ajudou no transporte dos produtos, bem como estava negociando a venda dos aparelhos. 

Os cinco envolvidos foram conduzidos a Derf, onde após serem interrogados pelo delegado José Ricardo Garcia Bruno, foi lavrado o flagrante.

 

Comentários Facebook
publicidade

Policial

Polícia Civil cumpre prisão de suspeito de homicídio de ambientalista em Chapada dos Guimarães

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

O principal suspeito do homicídio que vitimou um ambientalista em Chapada do Guimarães (67 km ao norte de Cuiabá) teve o mandado de prisão temporária cumprido pela Polícia Civil, na terça-feira (04.08), com base em investigações da Delegacia do município. O crime seria motivado por desavenças entre o suspeito e a vítima relacionadas a caça de animais silvestres na região.

O corpo da vítima, Valdinei Rodrigues Branco, foi localizado no dia 24 de abril de 2019, já em avançado estado de decomposição, em sua propriedade rural, na comunidade Gleba Jangada/Roncador, a cerca de 100 metros da residência.

Durante as investigações, os policiais da Delegacia de Chapada dos Guimarães levantaram informações sobre a existência de atritos entre a vítima e o suspeito, uma vez que o ambientalista era contra a caça de animais em sua propriedade, fato que era praticado pelo investigado.

Outra evidência seria o fato de o projétil de arma de fogo que estava alojado na cabeça da vítima ser identificado como compatível com arma de fogo tipo longa, relacionado ao hábito do suspeito de portar armas para caçar animais silvestres na região.

Com base nas investigações, o delegado de Chapada dos Guimarães, Hércules Batista Gonçalves, representou pelos mandados de prisão temporária e de busca e apreensão contra o suspeito, necessárias para dar continuidade ao trabalho investigativo.

As ordens judiciais foram decretadas pela Justiça e cumpridas na terça-feira (06), na propriedade rural do suspeito em Chapada dos Guimarães. O suspeito já havia se desfeito da possível arma utilizada no crime, que posteriormente foi localizada na casa de um terceiro.

As investigações continuam em andamento e o inquérito deve ser finalizado nos próximos dias.

 

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Nacional

Entretenimento

Tecnologia

Mais Lidas