Connect with us

Policial

Polícia Civil prende autor de feminicídio poucas horas depois de cometer o crime

Publicado em

O autor do feminicídio que vitimou uma jovem de 23 anos, na madrugada de sábado (02.07), em Tapurah (433 km a médio norte de Cuiabá), foi preso pela Polícia Civil nas diligências ininterruptas para apurar o crime.

O suspeito de 36 anos foi autuado em flagrante por homicídio qualificado (feminicídio). A vítima, Letícia Maria da Silva, foi atingida por golpes de faca desferidos pelo marido, motivado por ciúmes.

O crime ocorreu no bairro São Cristovão, na frente dos filhos e de um casal de amigos. Em seguida o autor fugiu da casa levando a filha de 4 anos e um adolescente de 15 anos, e conseguiu apoio de terceiros para se esconder.

Durante toda a madrugada foram realizadas diligências para identificar o paradeiro do suspeito, quando no início da manhã de sábado, o procurado foi surpreendido com os filhos em frente de uma casa.

No momento em que avistou a equipe, o suspeito correu para um milharal próximo do local, deixando as crianças para trás. Ao escapar do cerco policial, ele voltou para a cidade e adentrou em outro imóvel para se esconder.

Porém, foi novamente encontrado e novamente fugiu para o milharal. Somente depois de realizados disparos de advertência, e já no meio da plantação de milho, o suspeito se entregou.

O homem foi conduzido para Delegacia de Tapurah, interrogado pelo delegado Guilherme Pompeo, e autuado em flagrante por homicídio qualificado em feminicídio.

Após a confecção dos autos, o preso foi apresentado e colocado à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Advertisement

Policial

Autor de homicídio em Arenápolis é preso em flagrante pelo Polícia Civil

Published

on

Um homem apontado como autor do homicídio ocorrido na noite de quarta-feira (27.07), no município de Arenápolis (258 km a médio norte de Cuiabá), foi preso em flagrante pela Polícia Civil, durante atendimento da ocorrência.

Os investigadores de Arenápolis foram informados sobre uma situação de tortura e de homicídio por meio de arma cortante, que vitimou a pessoa de José Augusto Rodrigues de Souza, 20 anos.

Imediatamente a equipe acompanhada do delegado Hugo Abdon de Araujo Lima, foram até o hospital onde a vítima havia dado entrada, porém não resistiu aos ferimentos e foi a óbito.

Em seguida, os policiais civis foram até o local dos fatos para obterem mais detalhes acerca do ocorrido. Durante entrevista com populares foi possivel qualificar o autor do homicídio, o qual foi localizado nas proximidades, sentado em frente de uma residência.

O suspeito foi levado até a Delegacia de Arenápolis, e no interrogatório assumiu o crime. Ele alegou que foi cercado por três indivíduos de uma facção rival, e passou a ser espancado com capacetes e uma mangueira, momento em que conseguiu sacar uma faca e golpeou a vítima.

Conforme o delegado Hugo Abdon de Araujo Lima, os indícios apontam que o homicídio decorreu da legítima defesa, pelo fato que os três homens na função de “disciplina” dariam um salve no suspeito.

Após a confecção dos autos, o preso será apresentado e colocado à disposição do Poder Judiciário.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue Reading

Policial

Política MT

Mato Grosso

Nacional

Entretenimento

Tecnologia

Mais Lidas