Connect with us

Policial

Polícia Civil fala sobre violência doméstica no 1º Encontro de Mulheres Negras em Vila Bela

Publicado em

A Polícia Civil, por meio do Plantão de Atendimento a Vítimas de Violência Doméstica e Sexual de Cuiabá, participou nesta terça-feira (26.07), do 1º Encontro Regional de Mulheres Negras, promovido pela Secretaria de Promoção da Igualdade Racial do município de Vila Bela da Santíssima Trindade (521 km a oeste de Cuiabá).

O evento faz alusão ao Dia de Tereza de Benguela, Rainha Negra, e da mulher negra, comemorado na data de 25 de julho.

O encontro foi realizado na segunda e terça-feira (25 e 26.07) na Escola Municipal Ricardo Franco, em Vila Bela, com objetivo de debater assuntos referentes ao cenário da mulher negra no país, apresentação de dados estatísticos, entre outros temas como violência doméstica, desafios da atualidade, autoestima, saúde e maternidade.

A delegada, Jannira Laranjeira Siqueira Campos, coordenadora do Plantão de Atendimento a Vítimas de Violência Doméstica de Cuiabá, foi uma das palestrantes do evento, abordando o tema violência doméstica contra mulheres negras.

Durante a conversa com as mulheres presentes, a delegada falou sobre o histórico da violência doméstica no Brasil e também explicou que apesar dos índices terem mostrado redução nos casos de violência doméstica, tanto de lesão corporal, quanto de estupro e feminicídio, a realidade é diferente para as mulheres negras, cujas estatísticas demonstram o aumento de registros.

Para a delegada, a participação no evento foi muito proveitosa, uma vez que foi a oportunidade de ouvir outras mulheres que também estão à frente dos movimentos de defesa da mulher negra. “Nós da Polícia Civil precisamos ter esse olhar sensível para esse grupo de mulheres, com uma programação de acolhida diferenciada para as mulheres negras”, destacou.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Advertisement

Policial

Autor de homicídio em Arenápolis é preso em flagrante pelo Polícia Civil

Published

on

Um homem apontado como autor do homicídio ocorrido na noite de quarta-feira (27.07), no município de Arenápolis (258 km a médio norte de Cuiabá), foi preso em flagrante pela Polícia Civil, durante atendimento da ocorrência.

Os investigadores de Arenápolis foram informados sobre uma situação de tortura e de homicídio por meio de arma cortante, que vitimou a pessoa de José Augusto Rodrigues de Souza, 20 anos.

Imediatamente a equipe acompanhada do delegado Hugo Abdon de Araujo Lima, foram até o hospital onde a vítima havia dado entrada, porém não resistiu aos ferimentos e foi a óbito.

Em seguida, os policiais civis foram até o local dos fatos para obterem mais detalhes acerca do ocorrido. Durante entrevista com populares foi possivel qualificar o autor do homicídio, o qual foi localizado nas proximidades, sentado em frente de uma residência.

O suspeito foi levado até a Delegacia de Arenápolis, e no interrogatório assumiu o crime. Ele alegou que foi cercado por três indivíduos de uma facção rival, e passou a ser espancado com capacetes e uma mangueira, momento em que conseguiu sacar uma faca e golpeou a vítima.

Conforme o delegado Hugo Abdon de Araujo Lima, os indícios apontam que o homicídio decorreu da legítima defesa, pelo fato que os três homens na função de “disciplina” dariam um salve no suspeito.

Após a confecção dos autos, o preso será apresentado e colocado à disposição do Poder Judiciário.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue Reading

Policial

Política MT

Mato Grosso

Nacional

Entretenimento

Tecnologia

Mais Lidas