Connect with us

Policia Federal

PF prende passageiro tentando embarcar com drogas para Moçambique

Publicado em

Guarulhos/SP – A Polícia Federal prendeu na tarde desta quarta-feira (10/10), no Aeroporto Internacional de São Paulo, um passageiro tentando embarcar com drogas para Moçambique.

Policiais federais abordaram um boliviano, de 42 anos, para verificação de sua bagagem, por terem estranhado seu comportamento na fila do check-in de voo com destino a Maputo/Moçambique. Após ser conduzido até a delegacia, a mala foi aberta, localizando-se em sua interior substância entorpecente que, após a realização dos exames periciais, apresentou resultado positivo para cocaína. O volume total da droga apreendida somou um quilo. A substância estava oculta em fundo falso dentro de um vaso com flores.

O preso será encaminhado ao presídio estadual, onde ficará à disposição da Justiça, respondendo pelo crime de tráfico internacional de drogas.

 

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Aeroporto Internacional de São Paulo/Guarulhos

Contato: (11) 2445-2212

Comentários Facebook
Advertisement

Policia Federal

Polícia Federal deflagra operação de repressão ao tráfico transnacional de drogas

Published

on

São Paulo/SP. Na manhã desta quarta-feira, 17/8, a PF deflagrou a Operação Efeito Cascata, voltada à repressão do crime organizado, tráfico transnacional de drogas e lavagem de dinheiro.

Policiais cumprem 29 mandados de prisão preventiva, 34 mandados de busca e apreensão, ordens de bloqueio de ativos financeiros de R$500 milhões, bloqueio de veículos e sequestro de, pelo menos, 18 imóveis com valor estimado superior a R$25 milhões.

Também foi determinada a suspensão da atividade econômica de um contador e 19 empresas, com ordem de lacração dos estabelecimentos. As diligências ocorrem em São Paulo/SP, Baixada Santista, Rio de Janeiro/RJ, Maringá/PR e Várzea Grande/MT.

A investigação foi iniciada em julho de 2020 e deu ensejo à apreensão de 7.736 Kg de cocaína em dez eventos, nos estados de Sergipe, São Paulo, Mato Grosso e Rio de Janeiro, além de 28 veículos (caminhões, semirreboques e automóveis). Ao todo, 21 pessoas foram presas em flagrante por crime de tráfico de drogas no período da investigação.

No curso dos trabalhos investigativos também foi possível identificar movimentações bancárias milionárias.

A organização criminosa atuava no transporte rodoviário de cargas de droga em meio a mercadorias lícitas. Da fronteira boliviana, as drogas seguiam em compartimentos ocultos de caminhões até São Paulo e Rio de Janeiro, de onde eram transportadas em veículos utilitários para regiões portuárias, notadamente Santos/SP e Itaguaí/RJ, visando posterior embarque em navios para a Europa.

Uma carga de 1.200 Kg de cocaína apreendida na Bélgica em dezembro de 2020, oculta em bags de cimento, também está sendo investigada.  

Dentre as apreensões, destacam-se 652 Kg de cocaína localizados em Comodoro/MT, próximo à fronteira boliviana, em setembro de 2020; 2.466 Kg de cocaína em Duque de Caxias/RJ, em dezembro de 2020; e 641 Kg de cocaína em Itaguaí/RJ, em setembro de 2021, em meio a uma carga de mangas.

A Receita Federal, com autorização da Justiça, contribuiu para a investigação, compartilhando informações em tempo real sobre empresas, cargas, itinerários, contêineres e movimentação portuária. Também foi solicitada cooperação jurídica internacional.

Os presos ficarão à disposição da Justiça Federal de São Paulo. Eles serão indiciados pelos crimes de organização criminosa, tráfico transnacional de drogas, associação para o tráfico e lavagem de dinheiro. As penas cominadas podem ultrapassar 59 anos de reclusão.

Comunicação Social da PF em São Paulo/SP

[email protected]

Fonte: Polícia Federal

Comentários Facebook
Continue Reading

Policial

Política MT

Mato Grosso

Nacional

Entretenimento

Tecnologia

Mais Lidas