Connect with us

Policia Federal

PF deflagra Operação Agostinus, em Volta Redonda

Publicado em

Volta Redonda/RJ – Nesta terça-feira, 26/7, a Polícia Federal deflagrou a Operação Agostinus, visando apurar prática dos crimes de armazenamento e compartilhamento de material pornográfico infantil, tipificados nos artigos 241-A e 241-B do ECA (L. 8069/90).

Na ação de hoje, foi cumprido um mandado de busca e apreensão, expedido pela 2ª Vara Federal de Volta Redonda, na residência do alvo, localizada no bairro de Santo Agostinho, no município de Volta Redonda/RJ. Durante a diligência, foi constatado que o morador da residência, de 48 anos, possuía material com conteúdo pornográfico infantil, resultando na prisão em flagrante do homem.

A medida cautelar foi requerida após, em monitoramento virtual de rotina realizado no ambiente cibernético, a equipe de policiais federais constatar que determinado cliente de provedor de Internet havia feito o download e compartilhado centenas de arquivos com conteúdo pornográfico infantil.

Foram apreendidos computadores, aparelhos celulares e diversas mídias. As penas para os crimes de posse e compartilhamento de material com conteúdo de pornografia infantil capitulados variam de 1 ano a 6 anos de reclusão e multa.

O nome da Operação Agostinus faz alusão ao bairro onde reside o investigado.

Comunicação Social da Polícia Federal no Rio de Janeiro

[email protected] | www.gov.br/pf

(21) 2203-4404 / 4405 / 4406 / 4407

Fonte: Polícia Federal

Comentários Facebook
Advertisement

Policia Federal

Polícia Federal deflagra segunda fase de operação que investiga grupo de extermínio no Estado do Tocantins

Published

on

Palmas/TO – A Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira (10/8), com apoio da Polícia Civil/TO, a Operação COVID-38, em continuação aos trabalhos efetuados na Operação Caninana, visando desarticular organização criminosa responsável por vários homicídios ocorridos no dia 07/03/2020 na capital do Estado.

Cerca de 12 policiais federais cumpriram dois mandados de prisão preventiva na cidade Palmas/TO. 

Durante as investigações da denominada Operação Caninana, verificou-se que no dia 27/03/2020, cinco pessoas foram mortas com indícios de execução nos bairros de União Sul e Jardim Aureny I. Foi apurado do transcorrer das investigações que um grupo criminoso formado por Policiais Civis/TO monitorava a saída de pessoas recém egressas do sistema prisional e as executavam de forma planejada.

O cumprimento de todas as ordens judiciais pela Polícia Federal foi acompanhado por equipes da Corregedoria da Polícia Civil/TO.

O nome da operação faz referência a como o grupo identificava a sua atividade no período da pandemia da COVID19, segundo análise de material apreendido no bojo da operação.

A Polícia Federal agradece todo apoio prestado pela Polícia Civil do Estado do Tocantins durante as investigações e na deflagração da presente operação, reafirmando o compromisso das instituições com a integração, cooperação mútua e o combate ao crime organizado no Estado do Tocantins.

    Comunicação Social da Polícia Federal no Tocantins 

E-mail: [email protected] 

Fonte: Polícia Federal

Comentários Facebook
Continue Reading

Policial

Política MT

Mato Grosso

Nacional

Entretenimento

Tecnologia

Mais Lidas