conecte-se conosco


Carros e Motos

Nissan Frontier 2020 chega às lojas com novas cores e acessórios

Publicado

source
Nissan Frontier arrow-options
Divulgação

Nissan Frontier ganha mais opções de acessórios para modernizar e ajudar na praticidade

A Nissan Frontier chega a 2020 com novidades no visual. As versões S, Attack e XE ganham rodas com novos desenhos. A topo de linha LE passa a contar com protetor de caçamba, moldura lateral e adesivos 4×4 na parte traseira. Outra novidade da versão mais completa são os frisos laterais das portas. Como se não bastasse, ganha, de série, o sistema para pagamento automático por adesivo Sem Parar. Os preços começam em R$ 140.900, na versão S com câmbio manual, e vão até R$ 197.990 na opção de topo.

LEIA MAIS: Avaliação: Para o trabalho, Nissan Frontier S não sacrifica o motorista

Para os clientes da Nissan Frontier 2020, existem duas opções de planos para o Sem Parar: ‘Cidade’ (mensais de R$ 13,41 a partir do 13º mês para pagamentos de estacionamentos, lava-rápidos, drive thru e abastecimentos ou R$ 14,90 se incluir pedágios) e ‘Todo Lugar’ (R$ 25,11 a partir do quinto mês para todos os serviços, somente o débito para abastecimento não estará disponível).

Leia mais:  Toyota Hilux V6 chega em fevereiro com motor de 234 cv

LEIA MAIS: Nissan Frontier 2019: o impactante retorno da versão Attack 4×4

Vale lembrar que, recentemente, a Frontier recebeu uma lista de acessórios para incrementar principalmente as versões mais básicas. Entre eles, um novo rádio (R$ 418) e uma central multimídia de 6,8 polegadas (R$ 2.090). O primeiro é 1 DIN, com conexão Bluetooth, microfone interno, entradas USB e auxiliar, e rádio AM/FM. Enquanto o segundo é 2 DIN, com Android Auto e Apple CarPlay, Google Maps e Waze instalados e tocador de CD/DVD. Além disso, oferece, por R$ 221, o sistema tilt-down para os retrovisores elétricos.

Versões, dados e acessórios

Nissan Frontier arrow-options
Divulgação

Apesar dos itens adicionais, segue a mesma picape de 2019, rival de Hilux, L200, Ranger e S10

A picape japonesa é vendida em quatro versões. São elas a S 4×4, Attack 4×4, XE 4×4 e LE 4×4. Em sua configuração mais completa, vem com Visão 360º, teto solar, e itens como o sistema multimídia A-IVI. Este conta com oito polegadas e conectividade Android Auto e Apple Carplay. Além disso, traz sistema Isofix e seis airbags, com opções de câmbio manual e automático.

Leia mais:  Último VW Fusca da história vai para instituição beneficente

LEIA MAIS: Nissan Frontier leva quatro estrelas em teste de colisão

O motor diesel 2.3 equipa todas as versões, mas pode ter um ou dois turbocompressores, que elevam a potência de 160 cv e 41 kgfm na versão S aos 190 cv e 45,9 kgfm nas demais. Segundo o Inmetro, o utilitário tem consumo de 9,3 km/l (cidade) e 10,2 km/l (rodovias) para o motor de 160 cv e 8,9 km/l e 10,1 km/l com 190 cv.

Entre outras especificações da picape diesel , tem 1005 kg de capacidade de carga, 750 kg de reboque sem freio, 2965 kg de reboque com freio, 1054 litros de espaço na caçamba e 230 mm de vão livre em relação ao solo para o motor mais fraco, além de 1.040 kg de capacidade de carga, 750 kg de reboque sem freio, 2885 kg de reboque com freio, 1.054 litros de espaço na caçamba e 230 mm de vão livre em relação ao solo para a Nissan Frontier com o motor mais forte.

Comentários Facebook
publicidade

Carros e Motos

VW revela nome do “SUV do Polo”: Nivus. Saiba mais detalhes da novidade

Publicado

por

source
VW Nivus arrow-options
Divulgação

VW Nivus: novo SUV com ares de cupê chegará para fazer parte da linha de utilitário esportivos da marca em 2020

A VW decide acabar com o mistério e revela o nome do novo SUV com jeito de cupê que vai lançar na primeira metade do ano que vem. O carro vai se chamar Nivus e terá a mesma base do VW Polo, a MQB, assim como o T-Cross e outros. A principal diferença será o estilo mais esportivo, como mostra o video teaser divulgado pela fabricante.

LEIA MAIS: Confira quais serão os novos modelos da VW no Brasil até 2025

Também é possível notar pelas imagens que a traseira do VW Nivus terá lanternas de LED com máscara preta, assim como no T-Cross. Mas no VW Nivus o estilo será mais arrojado, com formas mais delgadas. A linha da capota que vai descendo em direção à parte de trás do carro também é outra característica exclusiva da novidade.

O novo VW Nivus será fabricado em São Bernardo do Campo (SP), onde também são fabricados Polo e Virtus, dos quais o novo SUV vai utilizar uma série de componentes, inclusive do conjunto mecânico. O motor será o 1.0, turbo flex, de 128 cv e 20,4 kgfm de torque a 2.000 rpm. E o câmbio, automático, de seis marchas, com hastes atrás do volante para trocas sequenciais. 

Leia mais:  Vazam imagens do novo BMW Série 7, antes do Salão de Detroit 2019

LEIA MAIS: VW revela novo SUV que deve chegar ao Brasil no fim do ano que vem



Além do VW Nivus

VW Tarek azul arrow-options
Divulgação

VW Tarek: novo SUV médio será lançado no início de 2021 com o Jeep Compass na alça de mira

Na ofensiva de lançamentos de SUVs da Volkswagen também está previsto o modelo médio Tarek, cujas primeiras unidades pré-série vão começar a sair da linha de montagem em El Palomar (Argentina) no início de 2020. A campanha publicitária começará em outubro. E a produção em série apenas em janeiro de 2021, quando o carro chegará nas lojas.

O VW Tarek é um SUV médio que vai ter entre os principais concorrentes do Jeep Compass. O modelo será oferecido na América Latina com motor 1.4 TSI de 150 cv e câmbio automático, de seis marchas . Versões manuais ou com tração 4×4 estão fora de cogitação. 

 Volkswagen confirma produção do Tarek na Argentina para o final de 2020

 Pelo o que se sabe até agora o novo SUV terá os mesmos 4,45 m de comprimento, 1,84 m de largura, 1,63 m de altura e 2,69 m de entre-eixos do modelo apresentado na China. E a fabricante promete que o VW Tarek conseguirá nota máxima dos testes de colisão do Latin NCAP. Será um modelo acima do VW Nivus .

Leia mais:  JAC Motors lança nova linha de carros elétricos no Brasil

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Nacional

Entretenimento

Tecnologia

Mais Lidas