Connect with us

Na Capital

Gestantes ganham enxoval e revelam que apoio ajudou a trocar parto cesárea por normal

Publicado em

Normal
0

21

false
false
false

PT-BR
X-NONE
X-NONE

/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-priority:99;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin-top:0cm;
mso-para-margin-right:0cm;
mso-para-margin-bottom:10.0pt;
mso-para-margin-left:0cm;
line-height:115%;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:11.0pt;
font-family:”Calibri”,”sans-serif”;
mso-ascii-font-family:Calibri;
mso-ascii-theme-font:minor-latin;
mso-hansi-font-family:Calibri;
mso-hansi-theme-font:minor-latin;
mso-fareast-language:EN-US;}

 

As 12 gestantes inseridas no projeto piloto do programa Meu Parto, realizado no Centro de Referência de Assistência Social (Cras), receberam, na última sexta-feira (19), das mãos da primeira-dama de Cuiabá, Márcia Pinheiro, kits de enxoval completo em complemento do trabalho dessa primeira etapa.

Duas das participantes já tiveram a gestação concluída e atribuíram ao desenvolvimento das atividades do programa à escolha de parto normal em detrimento à cesariana.

“Eu me senti mais segura de mim mesma e do meu corpo sabendo que ele é capaz de ter um parto normal. Sempre quis ter cesariana achando que não conseguiria normal, mas com todo o apoio do programa foi essencial e fundamental para minha escolha. Se todas pudessem ter esse acompanhamento de perto, antes do parto, seria ótimo e diminuiria vários riscos para a saúde”, contou Amanda Isabela Chaves, de 20 anos.

Para Rafaela Lara Nascimento, de 25 anos, que foi também uma das participantes com a parturição efetivada, a gestação também teve influência muito grande em virtude de todo o trabalho realizado durante a gravidez.

“É um privilégio muito grande participar desse programa que me ajudou na gestação e também no parto da minha princesa que hoje tem 25 dias. É uma honra muito grande e tivemos total atenção”, disse.

O programa Meu Parto foi uma parceria efetivada pela primeira-dama Márcia Pinheiro, em conjunto com a Prefeitura de Cuiabá e o grupo de pesquisa composto por alunos de graduação, mestrado e doutorado dos cursos de Enfermagem, Psicologia e Educação Física da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT).

Segundo a coordenadora do programa, Renata Marien, buscar o apoio do Poder Público e outros parceiros é fundamental para alcançar resultados mais satisfatórios e promover o maior alcance do ponto de vista social.

“Nós observamos que essas parcerias são de sucesso. Hoje nós temos grandes instituições: a Secretaria de Desenvolvimento Humano, de Saúde, Núcleo de Apoio à Primeira-dama e a UFMT. Acreditamos que fomos muito felizes nessa parceria que tem dado bons frutos. Os próximos bebês estão por nascer e acreditamos que, de fato, podemos contribuir para a vida dessas famílias”, observou.

 

Kits

São 38 itens que compõe o kit de enxoval entregue para cada uma das 12 participantes, sendo eles diversos produtos como de vestuário, higiene, cama, mesa e banho.

“Foi uma ajuda grande e não é um presente barato, algo que custa certo dinheiro. Tem coisas que eu mesmo não tenho condições de comprar e receber esse presente é uma grande alegria. Tenho muita gratidão à primeira-dama, por ela ter me ajudado porque faltavam muitas coisa e, graças a Deus, o que faltava veio no kit. Eu não tinha condições de adquirir, pois meu marido está desempregado, assim como eu, então essa ajuda chegou em boa hora e foi ótima”, falou Amanda.

De acordo com a primeira-dama, é preciso pensar em um todo quando se trata de assistir mulheres grávidas, pois “é um momento delicado da vida em que o cuidado precisa ser em todos os aspectos, inclusive no social”.

“Vamos cuidar dessas mulheres, oferecer todo nosso amor, carinho e ajuda para que elas venham a ter uma gravidez inesquecível, saudável e repleta de lembranças porque é algo único na vida”, completou Márcia Pinheiro.

A intenção da primeira-dama, nos próximos meses, é estender o programa para todos os 14 Cras da Prefeitura e assim alcançar mais mulheres e promover a principal característica da gestão do prefeito Emanuel Pinheiro que é a humanização e o cuidado com as pessoas.  

 

 

 

Comentários Facebook
Advertisement

Na Capital

Programa Enxergar é Humanizar é destaque nacional em encontro realizado pela Fundação Abrinq

Published

on

O prefeito Emanuel Pinheiro destacou, durante a live desta terça-feira (9), a participação de Cuiabá no encontro promovido pela Fundação Abrinq. O evento, realizado no formato on-line, reuniu prefeitos da região Centro-Oeste e tratou de ações relacionadas ao Programa Prefeito Amigo da Criança. O destaque foi o Programa Enxergar é Humanizar, criado pela gestão Emanuel Pinheiro em 2019.

Na live, Emanuel Pinheiro falou sobre os avanços que a cidade vem conquistando, se transformando num modelo também nos cuidados com as crianças e adolescentes. No encontro da Abrinq, o gestor foi representado pela secretária Municipal de Educação, Edilene de Souza Machado. A secretária-adjunta de Direitos Humanos, Christiany Fonseca, também participou do encontro, representando a secretária de Assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência, Hellen Janayna Ferreira de Jesus.

“Cuiabá e a gestão Emanuel Pinheiro fizeram bonito em nível nacional durante o encontro da Abrinq. A secretária Edilene e a secretária-adjunta Chistiany puderam expor ao Brasil os avanços e as conquistas em todos os cuidados que temos com as crianças. Divido com vocês o sucesso na nossa gestão principalmente no apoio, no acolhimento, no amor, nas políticas públicas efetivas de inclusão e de justiça social, também das nossas crianças, nosso maior patrimônio”, ressaltou o prefeito Emanuel Pinheiro.

Encontro da Fundação Abrinq

No encontro promovido pela Fundação Abrinq foram apresentadas oportunidades para o planejamento de políticas públicas voltadas à infância e adolescência no campo das Políticas Sociais, com foco nas boas práticas e destaques regionais.

Os Municípios de Cuiabá e Querência, no Mato Grosso, Goianésia/GO e Nova Andradina/MS apresentaram suas práticas na implementação das Políticas Sociais para Crianças e Adolescentes, considerando as especificidades de seus territórios.

A secretária Municipal de Educação, Edilene de Souza Machado, falou sobre a rede pública que atende a mais de 57 mil estudantes matriculados e as ações e Programas desenvolvidos pela gestão como os Programas de Alfabetização Cuiabano (ProAC), Enxergar é Humanizar, Bom de Bola Bom de Escola, MPT na Escola (de prevenção contra o trabalho infantil).

“O foco da gestão Emanuel Pinheiro hoje é a alfabetização dos nossos estudantes e a recuperação das habilidades perdidas durante a pandemia. Nesse sentido, a gestão investe na formação continuada e apoio aos profissionais da educação, na ampliação do número de salas de apoio pedagógico, no monitoramento dos estudantes e no trabalho com material estruturado”, destacou a secretária Municipal de Educação Edilene de Souza Machado. 

Reinaldo Cardoso, da Fundação Abrinq, falou sobre o Programa Enxergar é Humanizar. “A política de Educação, trabalhando junto com a saúde e a assistência social. Achamos a iniciativa muito interessante”, disse ele durante o evento.

Prefeito Amigo da Criança

Os gestores que formalizaram sua adesão ao Programa Prefeito Amigo da Criança inscrevem iniciativas e ações em 8 eixos, voltados a promoção de vida saudável, acesso à educação de qualidade; proteção; protagonismo; redução de risco de desastres naturais e migração; processos de gestão; desenvolvimento sustentável e primeira infância.

Durante a gestão, as ações e os resultados obtidos são avaliados, de acordo com as metas estabelecidas pelo Município. Os indicadores de avaliação consideram os diferentes graus de avanço, a institucionalidade da política, o aprimoramento dos mecanismos de participação e a ampliação da destinação orçamentária. 

Os gestores municipais que conseguem avançar, cumprir, consolidar e institucionalizar os processos de planejamento e de participação social, além de apresentar evolução significativa dos indicadores sociais, são reconhecidos e recebem o prêmio Prefeito Amigo da Criança.

Por quatro vezes a gestão municipal de Cuiabá participou do programa e o prefeito Emanuel Pinheiro, o segundo reconhecido como Prefeito Amigo da Criança.

A sétima edição do prêmio refere-se ao período 2021-2024.

 

Fonte: Prefeitura de Cuiabá MT

Comentários Facebook
Continue Reading

Policial

Política MT

Mato Grosso

Nacional

Entretenimento

Tecnologia

Mais Lidas