Connect with us

Economia

Donos de 32% do PIB industrial, empresários manifestam apoio a Bolsonaro

Publicado em


Encontro com empresários a favor de Bolsonaro (PSL). Na foto, Fernando Figueiredo (Abiquim), Marco Polo de Mello Lopes e Sergio Leite de Andrade (Aço Brasil), José Augusto de Castro (AEB), Sérgio Leite de Andrade (Usiminas/Aço Brasil), Cristiano Buarque Franco Neto (Firjan) e Fernando Pimentel (Abit)
Reprodução Twitter

Encontro com empresários a favor de Bolsonaro (PSL). Na foto, Fernando Figueiredo (Abiquim), Marco Polo de Mello Lopes e Sergio Leite de Andrade (Aço Brasil), José Augusto de Castro (AEB), Sérgio Leite de Andrade (Usiminas/Aço Brasil), Cristiano Buarque Franco Neto (Firjan) e Fernando Pimentel (Abit)

Na tarde de segunda-feira (22), empresários de diversas áreas da indústria se reuniram com o candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro (PSL), para manifestar seu apoio. O encontro foi marcado pela presença de dez empresários, que assinaram um manifesto a favor de Bolsonaro.

Leia também: Pelo menos nove nomes já estão cotados para serem os ministros de Bolsonaro 

Liderado pelo deputado federal Onix Lorenzoni (DEM-RS), apontado como possível ministro da Casa Civil em um eventual governo do presidenciável, os grupo era formado de apoiadores das áreas química, automobilística, têxtil, de maquinário, construção civil, aço e siderurgia. Juntos, esses empresários a favor de Bolsonaro
representam 32% do Produto Interno Bruto (PIB) industrial do Brasil, ou seja, a soma de todas as riquezas produzidas pela indústria do País.

Segundo o manifesto, com o objetivo de encontrar novos caminhos para a retomada do desenvolvimento da indústria, crescimento do País e da geração de empregos, “os setores industriais que representam 32% do PIB industrial e geram 30 milhões de empregos diretos e indiretos e R$ 250 bilhões em pagamento de impostos colocam-se a favor do diálogo com o candidato Jair Messias Bolsonaro (PSL)
na Presidência da República”.

Leia também: O que propõem Fernando Haddad e Jair Bolsonaro para a economia 

O compromisso foi firmado na casa do presidenciável, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.

Em sua conta no Twitter, Bolsonaro agradeceu o apoio. “Hoje me reuni com muitos empresários
de diversos setores do Brasil! Deixo o registro de uma destas produtivas reuniões. Vamos juntos livrar o Brasil das garras ideológicas da esquerda”, disse.

Empresários a favor de Bolsonaro esperam crescimento da economia


Em encontro com empresários a favor de Bolsonaro, candidato do PSL cita Paulo Guedes como esperança de melhora da economia brasileira
Reprodução/Twitter

Em encontro com empresários a favor de Bolsonaro, candidato do PSL cita Paulo Guedes como esperança de melhora da economia brasileira

Durante o encontro, o presidenciável citou decisões tomadas pelo governo de Donald Trump, atual presidente dos Estados Unidos, como referências para possíveis melhoras econômicas: “Eu sei que as economias são diferentes, mas buscando e fazendo algo semelhante [às medidas adotadas por Trump] dá para a gente ampliar a base de emprego no Brasil. E o Brasil precisa de confiança também. Não temos o direito de errar”, completou.

Leia também: Medo de Bolsonaro e Haddad? Proteja o seu bolso com juros!

Também na reunião, após declaração de Lorenzoni, que disse que os empresários a favor de Bolsonaro
querem “declarar publicamente o apoio desse setor e que o Brasil volte a crescer”, o candidato do PSL reafirmou sua parceria com o economista Paulo Guedes, futuro ministro da Fazenda caso Bolsonaro seja eleito na votação do segundo turno, que acontece no próximo domingo (28). “Eu falei com o Paulo Guedes e ele é a pessoa que está conduzindo isso tudo. Eu estou muito esperançoso com as propostas dele e a gente tem um pacote de medidas que não traga mais sofrimento a ninguém”, afirmou.

*Com informações da Agência Brasil

Comentários Facebook
Advertisement

Economia

Mega-Sena sorteia R$ 7 milhões nesta quarta-feira; veja os números

Published

on

Mega-Sena sorteia R$ 7 milhões nesta quarta-feira
Felipe Moreno

Mega-Sena sorteia R$ 7 milhões nesta quarta-feira

A Caixa Econômica Federal realizou nesta quarta-feira (10) o sorteio 2.509 da Mega-Sena com prêmio estimado em R$ 7 milhões. A Caixa deve divulgar os vencedores nas próximas horas. Em caso de nenhum acerto das seis dezenas, o prêmio irá acumular e se aproximar de R$ 16 milhões no próximo sorteio.

08 – 37 – 39 – 50 – 59 – 60

Como participar do próximo sorteio? O próximo concurso da Mega-Sena acontece no sábado (6), às 20h. É possível apostar até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio , em qualquer casa lotérica credenciada pela Caixa do país.

Também é possível apostar pela internet. O bilhete simples da Mega-Sena, com seis dezenas, custa R$ 4,50.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram  e fique por dentro de todas as notícias do dia. Siga também o  perfil geral do Portal iG

Como apostar online na Mega-Sena? Para aqueles que apostarem pela internet, não é possível optar pela aposta mínima, de R$ 4,50. No site da Caixa, o valor mínimo para apostar na Mega-Sena é de R$ 30, seja com uma única aposta ou mais de uma. Veja aqui como apostar.

Para fazer uma aposta maior, com 7 números, dando uma maior chance de ganhar, o preço sobe para R$ 31,50. Outra opção para atingir o preço mínimo é fazer sete apostas simples, que juntas têm o mesmo valor, R$ 31,50. Além disso, os bolões, disponíveis online, são outra opção viável.

Como funciona a Mega-Sena? O concurso é realizado pela Caixa Econômica Federal e o vencedor pode receber milhões de reais se acertar as seis dezenas. Os sorteios ocorrem pelo menos duas vezes por semana – geralmente, às quartas-feiras e aos sábados. O apostador também pode ganhar prêmios com valor mais baixo caso acerte quatro ou cinco números, conhecidas como Quadra e Quina, respectivamente.

Na hora de jogar, o apostador pode escolher os números ou tentar a sorte com a Surpresinha. Esse modelo consiste na escolha automática, realizada pelo sistema, das dezenas jogadas. Outra opção é manter a mesma aposta por dois, quatro ou até oito sorteios consecutivos, conhecida como Teimosinha.

Premiação da Mega-Sena Os prêmios costumam iniciar em, aproximadamente, R$ 3 milhões para quem acertar as seis dezenas. Dessa forma, o valor vai acumulando a cada concurso sem vencedor.

Também é possível ganhar prêmios ao acertar quatro ou cinco números dentre os 60 disponíveis no volante de apostas. Para isso, é preciso marcar de seis a 15 números do volante. O prêmio total da Mega-Sena corresponde a 43,35% da arrecadação. Deste valor:

  • 35% são distribuídos entre os acertadores dos seis números sorteados;
  • 19% entre os acertadores de cinco números (Quina);
  • 19% entre os acertadores de quatro números (Quadra);
  • 22% ficam acumulados e distribuídos aos acertadores dos seis números nos concursos terminados em zero ou cinco; e
  • 5% ficam acumulado para a primeira faixa (Sena) do último concurso do ano de final zero ou cinco.

Fonte: IG ECONOMIA

Comentários Facebook
Continue Reading

Policial

Política MT

Mato Grosso

Nacional

Entretenimento

Tecnologia

Mais Lidas