conecte-se conosco


Política MT

Deputado João Batista é homenageado com título de cidadão várzea-grandense

Publicado

Foto: BRUNO BARRETO / Assessoria de Gabinete

O deputado estadual João Batista do Sindspen (PP) é o mais novo  cidadão várzea-grandense, título devidamente reconhecido e ofertado pela Câmara Municipal de Vereadores de Várzea Grande. A honraria, concedida pelo vereador Braz Jaciro (Pros), foi entregue durante a sessão especial da Câmara no último sábado (14), em alusão ao aniversário de 155 anos do município.

João Batista, que é natural de Belém do São Francisco, no Estado de Pernambuco, mostra com orgulho  o título de  cidadão várzea-grandense”, afirmando que graças ao deputado Max Russi (PSB), também é detentor do título de “cidadão mato-grossense”.

“Fico muito honrado em poder receber o título, já tenho o de [título] cidadão mato-grossense, agora o várzea-grandense. Vejo como um reconhecimento pelos nossos trabalhos prestados ao município de Várzea Grande. Mas se temos trabalhos prestados, o cidadão pode ter certeza que não é só uma ação do ‘João Batista’, mas sim, de parcerias firmadas com outras autoridades, como o vereador Braz Jaciro e o prefeito Kalil Baracat (MDB)”, comentou o deputado.

Autor do projeto de lei que concedeu o título ao deputado, Braz Jaciro conta que Batista é um dos parlamentares mais atuantes dentro da cidade, afirmando ainda que muitas das suas conquistas como vereador, só foram possíveis graças a parceria firmada com o deputado.

“Dentro da Assembleia Legislativa, João Batista é um dos poucos deputados que olham para Várzea Grande, até hoje não teve uma única demanda que apresentamos e que não foi atendida. Tenho orgulho em dizer que tenho livre acesso em seu gabinete e com sua equipe de trabalho. O título de Cidadão Várzea-grandense concedido por meio da minha pessoa e aprovado pelos demais vereadores, é um reconhecimento por todo o trabalho prestado pelo deputado”, afirmou o vereador.

Autoridades como o prefeito de Várzea Grande, Kalil Baracat, o prefeito de Rondonópolis, Zé Carlos do Pátio (SD) e o deputado estadual Paulo Araújo (PP), também participaram da sessão especial para entrega de títulos. Ao todo, 90 personalidades foram agraciadas com a honraria durante o evento.

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
publicidade

Política MT

Sexto episódio do “Palco pra 2” traz novos nomes da cena musical de MT

Publicado

Foto: DIVULGAÇÃO / ASSESSORIA

O projeto “Palco pra 2” chega ao sexto episódio divulgando artistas autorais de Mato Grosso. Originalidade e encontros musicais marcam as participações de representantes da música popular brasileira produzida em Mato Grosso. Na edição que vai ao ar neste sábado (2), os convidados são Bia Trindade e Heitor Mattos. O programa é exibido às 12h30 e 18h30, com reprises nos seguintes dias: domingo (11h30 / 21h), terça (12h30 / 22h), sexta (12h30 / 22h).

Beatriz Vitória Trindade Alves ou simplesmente Bia Trindade tem 20 anos de idade, mas já acumula experiência e vivências musicais que a colocam em destaque na cena musical de MT. Bia participou, em 2021, do ‘The Voice Brasil’ (TV Globo) e, em fevereiro deste ano, a artista lançou seu primeiro extended play (EP) intitulado “Sempre quero mais”.

Com músicas que vão desde o pop à bossa nova, a cantora afirma que leva para os palcos muitas verdades por meio das suas composições e a própria busca por sua identidade artística. “Viver da arte e ser identificada por meio dela é meu maior desejo”, afirma.

Para marcar esse momento, ela conta, durante a gravação, que trouxe para o palco do programa uma composição nova. “Quis aproveitar essa oportunidade para divulgar uma música nova que estou acrescentando ao repertório e que pretendo lançar em breve”, adiantou animada.

O músico cuiabano Heitor Mattos, de 21 anos, é outro nome que desponta como referência por sua sonoridade e composições. “Gosto de experimentar muitas coisas diferentes, timbres e ritmos. A banda que me acompanha me ajuda a criar com autenticidade e ir colocando uma identidade às composições”, revela.

Suas produções autorais já ocuparam diversos palcos da capital e consolidou seu trabalho musical. “Estar no palco é dos momentos mais importantes e precisa ter muita sintonia com a banda para entregar ao público a arte que fazemos”, avalia.

Sobre a participação no projeto, Heitor considera importante a oportunidade e as parcerias que ele proporciona. “É um privilégio poder subir nesse palco e dividir o meu som, que é único, com a arte de outra artista autoral e que admiro muito”, afirma.

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Nacional

Entretenimento

Tecnologia

Mais Lidas