Connect with us

Esportes

Carta ao democrata e corintiano Sócrates

Publicado em


Sócrates
“Piseagrama” / Divulgação

Sócrates

Oi, doutor Sócrates. Não te conheci. Quando você morreu, em 2011, eu estava no segundo ano da faculdade. Queria muito ter conversado contigo, te entrevistado, trocado ideias. O Magrão – como te chamam os amigos – sempre enxergou longe. Em várias áreas. O futebol, inclusive.

Sabe, Sócrates
. O técnico do seu time vacilou demais ontem. Ele foi o principal responsável pela derrota na Copa do Brasil. Escalou mal o time. Apostou em Jonathas e em Emerson, ambos titulares logo no começo do jogo. Pedrinho, o talentoso Pedrinho, ficou no banco de reservas. Mais uma vez. E sabe o que ele alega, doutor? Questões físicas.

O talento é segundo plano no futebol brasileiro. A coisa só tem piorado desde que você foi embora. Nossa seleção tomou de sete, nossos meninos saem cedo, nossos passes não são assistências. Nossos escanteios são curtos. Nossas arenas são lindas, mas nosso jogo é feio. Por aqui, Sócrates, estão inventando palavras diferentes. É o novo jeito de fingir modernismo.

O jogo foi na belíssima arena do seu time. Você não conheceu. Você passou a vida toda jogando no Pacaembu. O Pacaembu foi sua casa. No Pacaembu, Magrão, você e Casagrande fizeram o Corinthians
. Enfeitaram pelo Corinthians. Driblaram pelo Corinthians. Democratizaram o Brasil através do Corinthians. Foram grandes.

Querido Sócrates,

Seu time quase não chuta para o gol. Não cria, não dribla, não ameaça. Seu time se fixou no tal DNA defensivo. Na terra pintando a camisa branca. No desarme e na marcação. Seu time – o Corinthians – tem apostado errado nas contratações. E tem vendido seus principais jogadores a preço de banana. Seu time tem idolatrado o razoável Romero. Romero não seria nem reserva no seu Corinthians, doutor. Está duro de ver.

Mas seu país está pior. Seu país está perto de eleger como presidente alguém que defende Ustra, torturador da ditadura que você tanto combateu. É declaradamente a favor da tortura. Seu país faz de conta que não escuta o que ele diz sobre homossexuais, negros, mulheres e índios. Se o seu time não tem criatividade, seu país parece não ouvir. Não sentir. Não se queixar de dor.

Por aqui tudo é cinza, Sócrates
. Com grande chance de chover canivetes e armas. Assim como choveu gol cruzeirense na final da Copa do Brasil
. Nem toda tempestade serve para lavar a alma.

Comentários Facebook
Advertisement

Esportes

Furacão chega a Argentina para o desafio contra o Estudiantes

Published

on

A equipe do Athletico Paranaense já está em La Plata, pronta para outro grande jogo da temporada. O desafio é contra o Estudiantes. E uma vitória na Argentina leva o Rubro-Negro novamente a uma semifinal de CONMEBOL Libertadores.

A partida começa às 21h30 desta quinta-feira (11), no Estádio Jorge Luis Hirschi, casa do adversário. Vai contar com transmissão ao vivo para todo o Brasil pela página oficial do Rubro-Negro no Facebook.

Viagem e chegada à Argentina 

A delegação do Athletico Paranaense partiu em voo fretado desde o Aeroporto Internacional de Curitiba até Buenos Aires. Aterrissou na Argentina por volta das 16h. Do aeroporto, seguiu cerca de 80km de ônibus até a concentração na cidade do jogo.

Neste momento, toda a delegação está concentrada em La Plata. Para os atletas, a programação pré-jogo continua com uma sessão de alongamentos na manhã desta quinta-feira (11). Ainda no dia da partida, a preleção começa às 18h50. Logo depois dela, o grupo sai para o estádio. 

Pós-jogo 

Terminada a partida, a delegação do Athletico Paranaense passa a noite em La Plata. Sai da Argentina já na tarde de sexta-feira (12), mas ainda não volta a Curitiba.

A delegação paranaense segue direto ao Rio de Janeiro (RJ), onde realiza a preparação para a partida do fim de semana contra o Flamengo, no Estádio do Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro.

Quem vai para a semifinal? 

Para chegar à semifinal da CONMEBOL Libertadores, o Athletico Paranaense precisa de uma vitória por qualquer placar durante o tempo normal do jogo contra o Estudiantes em La Plata.

Não há critério de gol qualificado, regra na qual uma equipe tem vantagem ao marcar gol fora de casa. Dessa forma, um novo empate, agora na Argentina, leva a decisão da vaga para a disputa por pênaltis logo após o tempo normal. Não há prorrogação. 

Próximas fases 

Quem se classificar à próxima fase vai enfrentar Atlético Mineiro ou Palmeiras na semifinal. No jogo de ida, em Belo Horizonte (MG), houve empate em 2 a 2. A partida de volta é nesta quarta-feira (10), em São Paulo.

Os jogos da semifinal da CONMEBOL Libertadores estão previstos para os dias 30 de agosto e 8 de setembro. A decisão será em jogo único, previsto para 29 de outubro no Estádio Monumental de Guaiaquil, no Equador. 

Fonte: Agência Esporte

Comentários Facebook
Continue Reading

Policial

Política MT

Mato Grosso

Nacional

Entretenimento

Tecnologia

Mais Lidas