Connect with us

Na Capital

Ações integradas ajudam a diminuir o número de bolsões de lixo na cidade

Publicado em

Entulhos de construções civis, restos de podas, móveis inutilizados e todos os tipos de resíduos domésticos. Descartados incorretamente, essa mistura forma um perigoso problema intensamente combatido pela Prefeitura de Cuiabá: a criação de bolsões de lixo. Além do mau cheiro e da poluição ambiental, a prática de utilizar áreas públicas ou privadas para a atividade ilegal é responsável por contribuir também na proliferação de animais peçonhentos e transmissores de diversos tipos de doenças, gerando graves consequências à população.

Para eliminar esse tipo de transtorno, o Município atua de forma continuada e com ações integradas. O plano de trabalho, elaborado e coordenado pela Secretaria Municipal de Serviços Urbanos, alinha a operação de eliminação dos bolsões com os serviços ofertados por meio de programas como “Mutirão da Limpeza” e “Cata-treco”, além da coleta de lixo domiciliar. Dessa forma, a Pasta alcançou uma drástica redução no número de locais utilizados para o fim proibido por lei.

Conforme levantamento da Secretaria, Cuiabá chegou a ter mais 300 áreas identificadas como bolsões. Atualmente, apesar de ainda não ser considerado o ideal pela Prefeitura, possui aproximadamente 60, o que, de acordo com o titular da Pasta, José Roberto Stopa, atesta o grande avanço conquistado nos últimos tempos. Segundo ele, a gestão trabalha diariamente com a meta de transformar a capital mato-grossense em uma cidade referência no quesito limpeza e preservação ambiental.

“É notório que a limpeza da cidade tem melhorado muito, principalmente no combate a bolsões de lixo. O mais importante é que o avenço tem sido no sentido qualitativo. Ou seja, não estamos apenas limpando constantemente as áreas identificadas, mas também eliminando definitivamente muitas delas. Aquelas que existem estão devidamente mapeadas e recebendo trabalhos contínuos. Acredito que, seguindo nesse ritmo, em dois anos, muito provavelmente, não teremos mais esse problema”, comenta Stopa.

Outra importante alternativa adotada pela atual gestão é a transformação dos locais utilizados para o descarte irregular em espaços de lazer para moradores da região. É o caso do que já foi efetuado nos bairros Residencial Nova Canaã, Nova Conquista, CPA IV e Jardim Universitário, além do Santa Amália e Morada do Ouro, onde a Prefeitura trabalha neste momento. A fiscalização e o desenvolvimento de atividades de educação ambiental também têm sido pontos considerados fundamentais dentro desse contexto.

“Estamos falando de algo que pode causar o aumento de animais peçonhentos e transmissores de uma série de doenças. Sem contar que a cidade perde toda a sua beleza. Por isso, é fundamental destacar que o sucesso nessa atividade está atrelado ao papel de colaborador do cidadão. É necessário que cada cuiabano tenha uma participação ativa nesse processo, evitando jogar lixo nessas áreas e denunciando aqueles que cometem o ato”, argumenta o secretário.

 

Mutirão da Limpeza e Cata-treco

Aliados do trabalho de combate aos bolsões de lixo, os programas “Mutirão da Limpeza” e “Cata-treco” são ações permanentes do Executivo cuiabano que percorre bairros de todas as regiões da cidade. O Mutirão, por exemplo, é realizado todos os sábados e, somente em 2018, já passou por cerca de 50 comunidades. Em cada uma das edições, centenas de trabalhadores atuam em rua por rua dos bairros contemplados prestando diferentes serviços de zeladoria.

Já o “Cata-treco” é uma iniciativa diária que leva aos moradores das localidades atendidas o serviço de recolhimento de materiais inservíveis. Por meio dessa atividade, a Secretaria recolhe e dá a destinação correta para objetos como camas, sofás, fogões, dentre vários outros, evitando que fiquem acumulados nos quintais ou que sejam jogados em locais inapropriados. Até este mês de outubro, mais de 130 bairros receberam o serviço.

 

Comentários Facebook
Advertisement

Na Capital

Programa Enxergar é Humanizar é destaque nacional em encontro realizado pela Fundação Abrinq

Published

on

O prefeito Emanuel Pinheiro destacou, durante a live desta terça-feira (9), a participação de Cuiabá no encontro promovido pela Fundação Abrinq. O evento, realizado no formato on-line, reuniu prefeitos da região Centro-Oeste e tratou de ações relacionadas ao Programa Prefeito Amigo da Criança. O destaque foi o Programa Enxergar é Humanizar, criado pela gestão Emanuel Pinheiro em 2019.

Na live, Emanuel Pinheiro falou sobre os avanços que a cidade vem conquistando, se transformando num modelo também nos cuidados com as crianças e adolescentes. No encontro da Abrinq, o gestor foi representado pela secretária Municipal de Educação, Edilene de Souza Machado. A secretária-adjunta de Direitos Humanos, Christiany Fonseca, também participou do encontro, representando a secretária de Assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência, Hellen Janayna Ferreira de Jesus.

“Cuiabá e a gestão Emanuel Pinheiro fizeram bonito em nível nacional durante o encontro da Abrinq. A secretária Edilene e a secretária-adjunta Chistiany puderam expor ao Brasil os avanços e as conquistas em todos os cuidados que temos com as crianças. Divido com vocês o sucesso na nossa gestão principalmente no apoio, no acolhimento, no amor, nas políticas públicas efetivas de inclusão e de justiça social, também das nossas crianças, nosso maior patrimônio”, ressaltou o prefeito Emanuel Pinheiro.

Encontro da Fundação Abrinq

No encontro promovido pela Fundação Abrinq foram apresentadas oportunidades para o planejamento de políticas públicas voltadas à infância e adolescência no campo das Políticas Sociais, com foco nas boas práticas e destaques regionais.

Os Municípios de Cuiabá e Querência, no Mato Grosso, Goianésia/GO e Nova Andradina/MS apresentaram suas práticas na implementação das Políticas Sociais para Crianças e Adolescentes, considerando as especificidades de seus territórios.

A secretária Municipal de Educação, Edilene de Souza Machado, falou sobre a rede pública que atende a mais de 57 mil estudantes matriculados e as ações e Programas desenvolvidos pela gestão como os Programas de Alfabetização Cuiabano (ProAC), Enxergar é Humanizar, Bom de Bola Bom de Escola, MPT na Escola (de prevenção contra o trabalho infantil).

“O foco da gestão Emanuel Pinheiro hoje é a alfabetização dos nossos estudantes e a recuperação das habilidades perdidas durante a pandemia. Nesse sentido, a gestão investe na formação continuada e apoio aos profissionais da educação, na ampliação do número de salas de apoio pedagógico, no monitoramento dos estudantes e no trabalho com material estruturado”, destacou a secretária Municipal de Educação Edilene de Souza Machado. 

Reinaldo Cardoso, da Fundação Abrinq, falou sobre o Programa Enxergar é Humanizar. “A política de Educação, trabalhando junto com a saúde e a assistência social. Achamos a iniciativa muito interessante”, disse ele durante o evento.

Prefeito Amigo da Criança

Os gestores que formalizaram sua adesão ao Programa Prefeito Amigo da Criança inscrevem iniciativas e ações em 8 eixos, voltados a promoção de vida saudável, acesso à educação de qualidade; proteção; protagonismo; redução de risco de desastres naturais e migração; processos de gestão; desenvolvimento sustentável e primeira infância.

Durante a gestão, as ações e os resultados obtidos são avaliados, de acordo com as metas estabelecidas pelo Município. Os indicadores de avaliação consideram os diferentes graus de avanço, a institucionalidade da política, o aprimoramento dos mecanismos de participação e a ampliação da destinação orçamentária. 

Os gestores municipais que conseguem avançar, cumprir, consolidar e institucionalizar os processos de planejamento e de participação social, além de apresentar evolução significativa dos indicadores sociais, são reconhecidos e recebem o prêmio Prefeito Amigo da Criança.

Por quatro vezes a gestão municipal de Cuiabá participou do programa e o prefeito Emanuel Pinheiro, o segundo reconhecido como Prefeito Amigo da Criança.

A sétima edição do prêmio refere-se ao período 2021-2024.

 

Fonte: Prefeitura de Cuiabá MT

Comentários Facebook
Continue Reading

Policial

Política MT

Mato Grosso

Nacional

Entretenimento

Tecnologia

Mais Lidas