conecte-se conosco


Política MT

Audiência pública discute o fechamento provisório de 16 de delegacias em MT

Publicado

Foto: Karen Malagoli

A Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), por meio da Comissão de Segurança Pública e Comunitária, vai promover nesta sexta-feira (15), às 9h, audiência pública para tratar sobre o risco de fechamento temporário de 16 Delegacias de polícia existentes no interior do estado de Mato Grosso. A discussão ocorrerá no auditório Milton Figueiredo da Casa de Leis.

De acordo com o deputado estadual e vice-presidente da Comissão de Segurança, Delegado Claudinei (PSL), uma das problemáticas existentes é devido não haver a previsão de concurso público para a contratação de escrivão, investigador e delegado de polícia para solucionar a ausência efetiva de pessoal nas delegacias dessas localidades. Porém, o parlamentar acredita que é possível resolver o problema sem o fechamento das delegacias. Para isso, considera ser relevante o alinhamento com representantes dos municípios para não haver a suspensão das atividades e não interferir na segurança da população mato-grossense.

A reunião contará com um debate junto aos representantes do Governo do Estado por meio da Secretaria de Estado de Segurança Pública, Ministério Público, sociedade civil organizada, entre outras autarquias convidadas.

Leia mais:  Governador entrega propostas para auxiliar a recuperação financeira do Estado

SUGESTÃO DE PAUTA

Evento: Audiência Pública

Data: 15/03/2019 (sexta-feira)

Horário: 9h

Local: Auditório Milton Figueiredo da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT)

Mais informações: Samantha dos Anjos (65) 98476.5694 / Marcelo Lucas (65) 99999.0425 (Assessoria de Imprensa)

Fonte: ALMT
Comentários Facebook
publicidade

Política MT

Personalidades da indústria serão homenageadas hoje com a Medalha do Mérito Industrial

Publicado

por

Foto: FABLICIO RODRIGUES / ALMT

Doze personalidades da indústria mato-grossense que se destacaram ao longo da história na consolidação deste importante segmento, serão homenageadas em Sessão Plenária Especial nesta sexta-feira (24) com a “Medalha do Mérito Industrial”. A iniciativa é do deputado Carlos Avallone (PSDB), através do Projeto de Resolução nº 104/2019, aprovado recentemente na Assembleia Legislativa.

A Medalha do Mérito Industrial homenageia personalidades estaduais que merecem reconhecimento público por relevantes serviços prestados ao setor industrial. A Medalha trará no anverso a imagem de representação estilizada da Usina de Itaici, circundada na sua borda pelos dizeres “Mérito Industrial” e no reverso o Brasão de Armas do Estado de Mato Grosso. Os agraciados tem seus nomes aprovados pela Comissão Permanente de Indústria, Comércio e Turismo e receberão a honraria na semana que antecede o Dia da Indústria, comemorado anualmente em 25 de maio.

O deputado Carlos Avallone (PSDB) destaca a importância de homenagear pessoas que contribuíram significativamente para a consolidação da Federação das Indústrias no Estado de Mato Grosso (Fiemt), fundada em 25 de novembro de 1975. A principal entidade de representação das indústrias mato-grossenses é composta pelas entidades do Sistema S (Senai, Sesi e Instituto Euvaldo Lodi) e tem 38 sindicatos filiados de diversos segmentos industriais.

Leia mais:  Governador entrega propostas para auxiliar a recuperação financeira do Estado

“Há 44 anos a Fiemt realiza ações voltadas ao desenvolvimento e à integração da indústria mato-grossense no contexto nacional e internacional, participando da formulação das políticas econômicas e sociais do estado e da região Centro-Oeste. Hoje temos mais de dez mil indústrias em Mato Grosso, que geram mais de 140 mil empregos, segundo dados de 2017. A indústria representa 16% do PIB do Estado e responde por 37,2% da arrecadação do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) do Estado. Pela importância do segmento num estado em franco processo de industrialização, que agrega valor à produção primária e gera milhares de empregos, considero justa a homenagem e o estímulo aos novos empreendedores”, disse o deputado Avallone.

Em sua dinâmica de atuação para trabalhar em prol da indústria, a Fiemt conta atualmente com 13 conselhos temáticos voltados para fomentar a competitividade das unidades fabris estabelecidas em Mato Grosso. O Serviço Social da Indústria (Sesi) mantém seis unidades na capital e interior, oferecendo serviços de saúde e segurança no trabalho, educação e lazer aos trabalhadores industriais e as comunidades locais.

Leia mais:  Dr. Eugênio pede informações sobre conclusão de asfaltamento do trecho da MT-129

Já o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial totaliza 12 unidades em oito municípios, visando atender as principais necessidades da economia e do setor industrial local. O SENAI apoia 25 áreas do setor por meio da educação profissional e prestação de serviços técnicos e tecnológicos.

Serão homenageados com a Medalha do Mérito Industrial os ex-presidentes da Fiemt, Otacílio Borges Canavarros, João Barbuino Curvo Neto (In Memoriam), Ari Wojcik, Carlos Antônio de Borges Garcia, Alexandre Furlan, Nereu Luiz Pasini, Mauro Mendes Ferreira e Jandir José Milan. Também serão agraciados os empresários João Nicolau Petroni, Luiz Carlos Lomba Mello, Leopoldo Mário Nigro e Arquimedes Pereira Lima (In Memoriam).

Esta semana, em reunião na sede da ALMT, o atual presidente da Fiemt, Gustavo Pinto Coelho de Oliveira, entregou ao fundador e primeiro presidente da entidade, Otacílio Canavarros, cópia da Carta Sindical através da qual o Ministério do Trabalho autorizou o funcionamento da Federação mato-grossense, na presença do deputado Carlos Avallone.

Fonte: ALMT
Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Nacional

Entretenimento

Tecnologia

Mais Lidas